Sexta, 20 de Maio de 2022
25°

Muitas nuvens

Boa Vista - RR

Agropecuária AGROPECUÁRIA

Fórum sobre a retirada da vacina contra febre aftosa é realizado em Rorainópolis

O governador Antonio Denarium destacou o empenho de todos em implantar ações necessárias para a retirada da vacina

12/05/2022 às 15h22
Por: Luiz Valério Fonte: Secom GovRR
Compartilhe:
O evento contou com vários produtores de Rorainópolis e da região sul do Estado
O evento contou com vários produtores de Rorainópolis e da região sul do Estado

As ações voltadas para a retirada da vacina contra febre aftosa continuam sendo conduzidas pelo Governo do Estado, por meio da Aderr (Agência de Defesa Agropecuária de Roraima), e pelos pecuaristas. Na manhã desta quinta-feira, dia 12, no auditório da Uerr (Universidade Estadual de Roraima), campus de Rorainópolis, foi realizado mais um Fórum para discutir os próximos passos a serem dados, visando o fim da vacinação.

No Fórum, o debate sobre o Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa, que prevê ações compartilhadas entre o poder público, pecuarista e a sociedade civil, a fim de fortalecer o sistema de vigilância sanitária, a participação social, a precisão nos diagnósticos, agilidade na emissão do GTA (Guia de Trânsito Animal), dentre outras.

Com a participação de Francisco Olavo Pugliesi de Castro, presidente da Comissão Nacional de Bovinocultura de Corte, da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), que palestrou por transmissão de vídeo sobre a Responsabilidade Compartilhadas entre o setor público e privado na prevenção da febre aftosa, o evento contou com vários produtores de Rorainópolis e da região sul do Estado.

Além de Francisco de Castro, o Fórum da retirada da vacina teve como palestrantes Marcos Duarte e Sylvio Botelho, médicos veterinários da Aderr. Eles falaram sobre o Plano Estratégico e da importância da sanidade animal.

O governador Antonio Denarium destacou o empenho de todos em implantar ações necessárias para a retirada da vacina. “Nossa luta em conjunto é para a pecuária desenvolver com a sanidade assegurada, gerando emprego e renda para a população, impulsionando o setor para a ajudar Roraima a crescer”.

Já o presidente da Aderr, Marcelo Parisi enfatizou que o trabalho de retirada da vacina precisa envolver toda sociedade civil, técnicos da Aderr e pecuaristas de Roraima. “Estamos realizando vários fóruns para debater a retirada da vacina. Hoje, em Rorainópolis, contemplamos os produtores da região sul, levando informações para que todos entendam o que teremos que fazer, pois defesa animal não se faz sozinho”.

Aumento da Responsabilidade

Para o produtor, a retirada da vacina vai trazer muitos benefícios, mais comodidade e menos gastos, transformando a realidade atual e melhorando os negócios. De acordo com o presidente da Coopecarne, André Araújo, a retirada vai diminuir o trabalho, o desgaste em manejar os animais e os gastos com a vacina. Mas, alertou ele, “aumentará também a responsabilidade, pois temos que redobrar os cuidados com o rebanho”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Rorainópolis - RR
Rorainópolis - RR
Sobre o município Rorainópolis é um município brasileiro do estado de Roraima. Wikipédia Área: 33.594 km² População: 30.782 (2020) População total (estimativa IBGE/2017): 28 215 hab Prefeito(a): Leandro Pereira (Solidariedade, 2021 – 2024) PIB (IBGE/2008): R$ 212 650,375 mil PIB per capita (IBGE/2008): R$ 8 455,40
Blog do Luiz Valério
Blog do Luiz Valério
Sobre Tudo sobre a política em Roraima. Saiba mais em: www.luizvalerio.com
Boa Vista - RR Atualizado às 10h00 - Fonte: ClimaTempo
25°
Muitas nuvens

Mín. 22° Máx. 29°

Sáb 31°C 24°C
Dom 29°C 23°C
Seg 32°C 23°C
Ter 34°C 24°C
Qua 31°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias